O que são os fertilizantes organominerais?

13.11.2019 Autor: Dra Paula Santini e Equipe Multifertilizantes Fonte: CPMULT
A utilização do fertilizante organomineral possui vantagens ambientais, financeiras e de produtividade

A natureza é sabia, diz o dito popular, e o homem obtém os melhores resultados quando imita a natureza, repetindo nas plantações o que ocorre nas florestas.

No meio ambiente, o húmus e os sais minerais formados pela decomposição da matéria orgânica e pela intemperização das rochas se associam, formando um fertilizante de liberação gradual denominado “organomineral natural”.  O homem, em sua sabedoria, observa que as plantas possuem grande afinidade com esse tipo de fertilizante por estarem intimamente ligados na natureza no decorrer de milhões de anos. Surge daí a ideia de se produzir industrialmente um fertilizante com as mesmas características, o chamado “Fertilizante Organomineral”.

Segundo o Decreto 4954 de 2004, fertilizante organomineral é o produto resultante da mistura física ou combinação de fertilizantes minerais e orgânicos. Contudo, essa definição não considera os princípios técnicos desta tecnologia. Portanto, uma definição mais adequada consideraria que organomineral é um fertilizante oriundo da mistura ou combinação de composto orgânico humificado com fertilizantes minerais, tendo como produto final um fertilizante de liberação lenta ou disponibilidade controlada, melhorando a eficiência agronômica dos minerais para as plantas.

A produção desse tipo de fertilizante, além de aumentar a eficiência dos nutrientes contidos nos fertilizantes minerais para as plantas, promove a recuperação dos nutrientes presentes nos resíduos orgânicos e ainda permite a adequada gestão desses resíduos. Nesse contexto, podemos observar forte relação com os pilares básicos da sustentabilidade: socialmente útil, economicamente viável e ambientalmente correto. Esse apelo à sustentabilidade ainda coloca essa tecnologia em posição de destaque diante do cenário brasileiro de fertilizantes, pois permite a transformação de resíduos orgânicos em fertilizantes de alta performance.

Aguardem as próximas publicações, em que abordaremos de forma detalhada o conceito dessa importante tecnologia.

Veja Também

Clientes