Alion: A Tecnologia Que Chegou Para Ficar!

06.03.2018 Autor: Guy Carvalho Fonte: Papo de Cafeicultor
Alion: A Tecnologia Que Chegou Para Ficar!

Amigos cafeicultores, viemos até a Fazenda Santa Cruz, Paraguaçu MG, e viemos conferir o resultado sobre o controle de ervas daninhas. Para isso, convidei o José Saulo Gonçalves, Diretor Tecnologia e Pesquisa Grupo Grão de Ouro, parceiro do nosso canal, e o Kassiano Pereira de Carvalho, Consultor de Grupo Grão de Ouro, para conferir o resultado dessa lavoura que recebeu o tratamento com Alion. Além disso, temos a oportunidade de estar com o pessoal da TV Record que está fazendo uma reportagem sobre o canal Papo de Cafeicultor em que vocês irão ter acesso ao link.

- Guy Carvalho: Saulinho, em outubro, você e o João Paulo nos apresentaram uma nova tecnologia que é a aplicação do herbicida pré emergente que é o Alion no controle do mato da lavoura e café. Quem usou, gostou?

- José Saulo: Quando foi bem aplicado e acompanhado por técnicos tiveram resultados excelentes. Tanto mecanizado quando no manual.

- Guy Carvalho: O mesmo pessoal que estava um pouco preocupado será que isso não pode atrapalhar alguma coisa? Teve esse questionamento? Qual foi o resultado disso?

- José Saulo: O único questionamento que nós tivemos nessa tecnologia foi em relação das plantas de coberturas com o solo esterilizado e nós sabemos que a Bayer, depois de muito trabalho e pesquisa, nos trouxe muita confiança para estar recomendando o produto. Esse manejo de planta de cobertura, nós sabemos que é muito importante e fundamental o produtor estar fazendo e mantendo como foi falado no vídeo lá atrás, mantendo a planta de cobertura aonde ela precisa estar na linha do café e o limbo, para ser feito os tratos culturais.

- Guy Carvalho: Onde vai ser aplicado os adubos e os defensivos?

- José Saulo: Justamente.

- João Paulo Barroso Vieira, Consultor Grupo Grão de Ouro: Nessa área até o tronco do cafeeiro foi aplicado o Alion e o centro, onda há a reciclagem de nutriente a braquiária está normal, fazendo o seu papel que é reciclar o nutriente para voltar ao cafeeiro.

- José Saulo: Aqui na fazenda da Josi, nós vimos por sua orientação, o excelente manejo da braquiária, mostrando a questão de rotação e cultura no meio, uma planta de cobertura excelente, segurando a umidade onde precisa segurar e fazendo a manutenção dos microrganismos do solo.

- Guy Carvalho: Na época você chamou muita atenção para um certo cuidado se já tivessem nascido uma sementeira. É isso mesmo, temos que tomar cuidado?

- José Saulo: Isso mesmo, conforme orientação da Bayer, nós temos que tomar muito cuidado e se já tiver uma planta recém emergida, tomar cuidado quando associado com o glifosato ou outro herbicida de contato.

- Guy Carvalho: Saulinho, quais os cuidados de aplicação de um produto como esse?

- José Saulo: É um produto que precisa de cobertura de solo. Independentemente se você está utilizando em área plana ou montanha.

- Guy Carvalho: Quer dizer, tem que ficar bem molhado e bem distribuído esse produto?

- José Saulo: Justamente, tem que ficar bem distribuído no solo. Alguma faixa que ficar sem aplicar a erva daninha estará nascendo. Outro ponto que o pessoal questiona muito é sobre caminhar sobre o local onde foi aplicado o produto. Ele é um pré-emergente que não tem esse problema. Pode caminhar sobre o local ou passar o trator sobre a área que não há esse problema.

- Guy Carvalho: Em relação a época de aplicação, aquele momento no início do período chuvoso, você chamou a atenção que era o momento certo. Mas, se o produtor quiser aplicar agora, ele pode?

- José Saulo: Aquele momento é o mais indicado pelo longo período residual que o produto fornece. Nós preconizamos o seu efeito em torno de 8 meses. Mas, o Alion é uma ferramenta que o Consultor ou o Engenheiro Agrônomo pode estar recomendando. Se ele achar que é coerente usar agora, para passar o período da colheita todo limpo, ele pode está usando e nada impede. Tendo umidade no solo e o mesmo estar limpo - sem a erva verde - ele pode utilizar.

- Guy Carvalho: O que você queria mostrar no solo? Você fez questão de parar nesse lugar e ficar no solo.

- José Saulo: Então é o que a gente preconiza com o uso do Alion. O manejo da braquiária, a gente mostrou que o solo estava limpo, mesmo com a braquiária seca.

- Guy Carvalho: O solo não estava exposto.

- José Saulo: O solo não estava exposto. Você usou a ferramenta de forma que nós preconizamos. Deixar limpo aonde precisa estar. Fazendo o manejo da braquiária, jogando a matéria seca onde precisa estar e mantendo a umidade do solo, como discutimos anteriormente.

- Guy Carvalho: Na sua opinião, é uma tecnologia que veio para ficar?

- José Saulo: Com certeza, é uma tecnologia que veio para ficar e auxiliar o cafeicultor no manejo da lavoura.

- Guy Carvalho: Kassiano, você foi o Técnico responsável e acompanhou a aplicação aqui na Fazenda Santa Cruz. Conte um pouco como foi?

- Kassiano Pereira: Me preocupei em ver os equipamentos que a Josi tinha disponível. Após disso, deixamos eles adequados para a aplicação do Alion. Fomos ver faixa de aplicação, tipo de ponta de bico que ela estava trabalhando, em algumas tivemos que fazer ajustes para fazer a aplicação na faixa ideal.

- Guy Carvalho: Realmente ficou muito bom.

- Kassiano Pereira: Ficou muito bom, como você pode ver deixamos uma faixa livre para fazer os tratos culturais.

- Guy Carvalho: Josi o que você achou da aplicação do Alion e do manejo do mato durante essa época das águas?

- Josiane Moraes, Proprietária e administradora Fazenda Santa Cruz: Sim Guy, o Alion é um produto que chegou para resolver um problema que tínhamos na fazenda que é realmente diminuir as aplicações de herbicidas, tanto na questão ambiental e na recomendação dos certificadores de café, ou seja, algo que não afeta tanto a natureza. No início, como nos outros vídeos, gera alguma dúvida de outros produtores que o Alion causaria algum problema no solo. Pelo contrário, como conseguimos fazer uma só aplicação e reduzir o mato, nós conseguimos mantes a lavoura limpa com mais tempo durante o ano.

- Guy Carvalho: Essa combinação com a braquiária ficou perfeita?

- Josiane Moraes: Sim, a braquiária é um requisito que nós temos aqui de fazer 100% o plantio em toda a área de café para melhorar a matéria orgânica. O Alion vem justamente para isso, direcionar e deixar o efeito que nós precisamos da matéria orgânica com o solo.

Agradecemos a reportagem da TV Mais, emissora da Record em Varginha, pela reportagem. Ficou excelente e é sinal de prestígio para o nosso canal. Obrigado e até a próxima.

Galeria

Veja Também

Clientes