Secador Estático de Café, Dispensa o Uso de Terreiro

26.03.2018 Autor: Guy Carvalho Fonte: Papo de Cafeicultor
Secador Estático de Café, Dispensa o Uso de Terreiro

Amigos cafeicultores, vamos dar continuidade ao último episódio que consiste em uma visita na fábrica da Palini & Alves, localizada em Espirito Santo do Pinhal, interior de São Paulo.

No último programa, mostrei o despolpador de café sustentável que não utiliza água e preserva o meio-ambiente. Agora, vamos apresentar mais uma tecnologia de pós colheita, o secador estático. Ele vem para auxiliar no processo de secagem dos grãos, garantindo maior eficiência e lucratividade ao cafeicultor.

A Palini & Alves, hoje ocupa um lugar de destaque no segmento. Segundo a conceituada revista Globo Rural, a empresa aprece em terceiro lugar no quesito maquinaria agrícola no geral. O que a coloca em primeiro do país quando o assunto é maquinário pós colheita. Ninguém é melhor para falar do secador estático do que o próprio Palini, um dos fundadores dessa grande empresa.

- Guy Carvalho: E essa novidade aqui, fale um pouquinho dela.

- Palini: Esse é o novo secador estático que está entrando no mercado agora.

- Guy Carvalho: Esse é o secador que o café não precisa de ir para o terreiro?

- Palini: Perfeitamente.

- Guy Carvalho: Pode ser colhido e jogado diretamente no secador?

- Palini: Diretamente no secador.

Para mostrar os detalhes dessa máquina, Carlos Henrique, Diretor Comercial, que dá continuidade ao trabalho de seu pai, Palini, na empresa, fez questão de chamar Antônio Donizete, Alemão, que é o Gerente de Qualidade e de Desenvolvimento da Palini & Alves.

- Carlos Henrique: Bom Guy, essa é mais uma inovação da Palini & Alves, o secador estático. É um novo conceito de secagem de café. O nosso secador estático tem vários diferenciais e benefícios aos cafeicultores. O Alemão, vai falar um pouco para a gente sobre os benefícios do secador estático.

- Alemão: Guy, esse secador é alimentado por palha, por lenha, por gás ou por caldeira. Ele pode ser manejado com vários tipos de combustíveis.

- Guy Carvalho: Nesse caso é um queimador de palha.

- Alemão: É um queimador de palha. Nesse caso, é um compartimento que entra a palha, um motor - moto redutor - dosa a palha e o outro motor, do ventilador embaixo, dosa o ar para dar a combustão e fazer a queima do forno.

- Guy Carvalho: Para chegar na temperatura.

- Alemão: Para chegar na temperatura desejável. Você regula por termostato, por exemplo, colocando em 50ºC, ele vai permanecer em 50ºC, ou seja, nem acima e nem abaixo.

- Guy Carvalho: O ventilador vai levar o ar quente para caixa?

- Alemão: Vai levar o ar quente para caixa que vai distribuir para a tela perfurada.

- Guy Carvalho: Essa entrada, que dá para ver, bem ampla e o ar vem de baixo para cima?

- Alemão: De baixo para cima para varar a camada de café. É uma entrada bem grande, com um volume bem alto e não é simplesmente um ventilador. Ele é uma turbina para romper o café e vazar o ar.

- Guy Carvalho: Observei que no fundo, ela é totalmente fechada.

- Alemão: Totalmente fechada para você não ter contato com piso, umidade e você ter um acesso de limpeza embaixo. Fica livre para poder manejar essa parte.

- Guy Carvalho: Tanto a umidade quanto para facilitar a limpeza?

- Alemão: Facilitar a limpeza. 

Um outro diferencial desse secador estático da Palini & Alves que merece destaque é o pistão que está fora da caixa.

- Alemão: Isso traz um grande benefício que é não pegar temperatura do ar quente do pistão.

- Guy Carvalho: Quer dizer, Ele está do lado de fora.

- Alemão: Está do lado de fora, não pega essa temperatura quente. Então, a vida útil dele será maior e se por acaso houver algum rompimento de algum retentor e não há óleo dentro da caixa para contaminar o café. A manutenção pode ser feita com o secador funcionando.

- Guy Carvalho: Então, secou o café, aciona o pistão e tira o café da caixa.

- Alemão: Tira o café da caixa. Aciono, você tira, levanta a caixa para seguir o café ao destino dele.

- Guy Carvalho: Quando ele sai nessas comportas, ele vai para uma rosca sem fio ou transportador rolete inclinado que segue para aonde você quer mandar: elevador, tulha ou um benefício.

Segundo o Alemão, esse secador além de dispensar o terreiro, oferece a possibilidade da composição do lote no decorrer nos dias da colheita sem comprometer a qualidade.

- Alemão: Nele você pode trabalhar no máximo 1 m ou no mínimo 30 cm de café. Então você pode trabalhar no máximo com 16.000 litros, que seria a caixa maior ou com 4.000 litros de café embaixo. Você pode compor um lote com mais um dia ou dois dias, desde que você não desligue o ar frio. Ele pode remudar esse café.

- Guy Carvalho: Quer dizer, o produtor colheu o café, aciona o ar frio e continua?

 

- Alemão: Continua.

 

- Guy Carvalho: No outro dia ele colheu mais 4.000, ele coloca na caixa.

 

- Alemão: E aciona o ar frio, ele já está ali. Colheu de novo, aí ele começa a fazer a seca.

 

- Guy Carvalho: Quer dizer, você pode compor essa caixa em três dias para depois começar com o ar quente.

 

- Alemão: Para depois começar com o ar quente para a seca.

 

- Guy Carvalho: Alemão, agora eu queria que você mostrasse essa peça e falasse um pouquinho sobre ela. Por que, pelo que você me explicou é ela que permite encaixa duas caixas, dobrar a capacidade do secador e secar os dois ao mesmo tempo. Como assim, Alemão?

 

- Alemão: Isso aqui é uma turbina com duas partições e ela consegue, ao mesmo tempo, jogar ar quente nas duas caixas. Além disso, jogar ar quente em uma caixa e ar frio em outra. Tudo isso, com um único motor, fazendo o serviço em duas caixas e sendo um secador de 32.000 litros.

 

- Guy Carvalho: Quer dizer, um único motor com uma única turbina podendo trabalhar em duas temperaturas?

 

- Alemão: Com duas temperaturas, você consegue trabalhar com duas temperaturas.

 

- Guy Carvalho: Quer dizer, pode colocar ar quente nas duas caixas e secar ao mesmo tempo?

 

- Alemão: Ao mesmo tempo ou ar quente em uma e ar frio em outra.

 

- Guy Carvalho: É realmente um grande diferencial.

 

- Alemão: É um grande diferencial da Palini & Alves.

 

Obrigado por assistir o nosso programa e em breve estaremos trazendo mais conhecimento e tecnologia para vocês. Não se esqueça de procurar o Papo de Cafeicultor no Youtube e se inscrever em nosso canal. Até a próxima.





Galeria

Veja Também

Clientes